NOVO PORTAL DO PODER JUDICIÁRIO MARANHENSE APRESENTA INTERFACE MODERNA E ACESSÍVEL

O novo Portal do Poder Judiciário do Maranhão está disponível ao público a partir desta segunda-feira (27). Novo design, nova estrutura, recursos de acessibilidade, responsividade e integração modernizam a página eletrônica, desenvolvida de forma a facilitar o acesso dos usuários às áreas de interesse, utilizando menus principais com acesso às informações mais buscadas, e páginas específicas com base nos públicos CidadãoAdvogadoServidor e Magistrado, além das páginas da Corregedoria e da ESMAM.

O projeto do novo site do Tribunal de Justiça foi iniciado em março de 2018, por determinação do ex-presidente do TJMA, desembargador Joaquim Figueiredo, objetivando consolidar a valorização da Comunicação Social do Poder Judiciário Estadual.

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão desembargador Lourival Serejo – que autorizou oficialmente o lançamento do Portal – afirmou que a nova página eletrônica do Poder Judiciário do Maranhão é moderna e interativo, atendendo às exigências dos novos tempos.

“Além de atender às necessidades de acessibilidade, o Portal acompanha a evolução das novas tecnologias para garantir transparência, disponibilizando serviços importantes aos jurisdicionados, à sociedade e à imprensa, com um grau de informações extraordinariamente enriquecido”, avalia o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Lourival de Jesus Serejo.

A nova interface apresenta comportamento responsivo a todos dispositivos móveis de acesso à internet, além de oferecer mais simplicidade e rapidez ao usuário na identificação e busca de informações através de menus e do Mapa do Site.

O novo portal foi desenvolvido com recursos para ser lido por aplicativos de leitores de tela; audiodescrição das imagens; VLibras – aplicativo que traduz o texto para a Língua Brasileira de Sinais – alto-contraste e navegação assistida. “A acessibilidade é uma obrigação prevista em Lei, inclusive para os recursos de web e também uma exigência do Conselho Nacional de Justiça para garantir o acesso a todos. Estamos cumprindo com um dever enquanto instituição pública”, afirmou o chefe da Assessoria de Comunicação do TJMA, jornalista Antônio Carlos de Oliveira.

Na avaliação do diretor de Informática do Tribunal de Justiça, Paulo Rocha Neto, o novo Portal do Poder Judiciário representa um marco para a instituição, na medida em que resulta de uma parceria entre as Assessorias de Comunicação e a Diretoria de Informática, um trabalho feito em conjunto, com a definição prévia das funcionalidades, layouts, e posterior execução pelas equipes de desenvolvimento.

“Também é um marco porque implementa tecnologias de acessibilidade, já presentes em outros portais e exigências do CNJ, além de oferecer uma interface mais amigável no objetivo de atender ao público em geral, servidores, magistrados e advogados, e garantindo a acessibilidade de pessoas com deficiência”, observa.

O projeto do novo Portal foi homologado pela Assessoria de Comunicação do TJMA, após apresentação ao presidente do TJMA, desembargador Lourival Serejo, pelos assessor de comunicação da Presidência, Antonio Carlos de Oliveira, pelo diretor de Informática, Paulo Neto, e pela jornalista Juliana Mendes, que coordenou a comissão que finalizou a nova página elerônica do Poder Judiciário (Irma Helenn - Comunicação, Tony Victor Diniz e Isaac Costa Júnior - Informática).

TRANSPARÊNCIA - FASE DE HOMOLOGAÇÃO

Dentro do projeto de renovação do Portal do Poder Judiciário, a Diretoria de Informática desenvolveu um novo Portal da Transparência, que reúne as informações previstas no Ranking da Transparência do Poder Judiciário, instituído por meio da Resolução CNJ n. 215, de 16 de dezembro de 2015, a exemplo de dados financeiros, orçamentários, de recursos humanos, folha de pagamento, etc. A nova página está em fase de homologação e será disponibilizada nas próximas semanas.

TRANSIÇÃO

Durante o período de implantação e adaptação à nova estrutura do portal do Poder Judiciário, os usuários poderão reportar eventuais erros, falhas, inconsistências ou dúvidas para o e-mail portal@tjma.jus.br. Dúvidas ou orientações também podem ser solicitadas junto às Assessorias de Comunicação do TJ, Corregedoria e ESMAM, a depender da matéria de interesse que esteja vinculada a um dos três órgãos.

HOTSITES

Com a implantação do novo Portal, ocorrerá a padronização gradual das sub-páginas e hotsites em relação ao design gráfico, seguindo modelo do novo Portal, com o fim de garantir maior clareza e facilidade de comunicação com os usuários. Todos os hotsites atualmente existentes estão programados para migração para o novo formato pela Diretoria de Informática, que será feita gradualmente conforme cronograma do setor. Enquanto não concluída a migração, a alimentação dos hotsites continuará a ser efetivada pelo Gerenciador de Conteúdo anterior. Não ocorrerá mudanças na intranet – que permanece a utilizar o Gerenciador de Conteúdo antigo.

A alimentação do Novo Portal será realizada pelos setores administrativos responsáveis, seguindo tutorial já disponibilizado na intranet do Tribunal de Justiça e e-mails/Digidoc dos setores, contendo orientações para uso do Novo Gerenciador de Conteúdo, que será disponibilizado através da plataforma Sentinela a partir desta segunda-feira (27). Para a realização de cadastro de usuários e permissões, os setores devem encaminhar a solicitação para a Assessoria de Comunicação, através dos e-mails asscom@tjma.jus.br e portal@tjma.jus.br.

FONTE: ASCOM TJMA